A chave interna

Home/Textos/A chave interna

Ao vir ao mundo material o homem traz consigo, oculta, a chave da sua origem cósmica. A história desta humanidade foi e está sendo dolorosa porque essa chave interna ficou esquecida, embora sempre tenha sido possível reencontrá-la.

A fé irrestrita e incondicional na existência de uma inteligência suprema acima de todas as coisas é um dos meios para descobrir tal chave, pois abre o caminho para a percepção da imortalidade. Essa fé é portadora de energias sutis que introduzem a pessoa em uma vida sob leis superiores às materiais.

O carma vai-se transformando aos poucos com a mudança de atitude do homem. No entanto, o que se pode chamar de real transformação do carma baseia-se nessa fé e é levado a cabo por Hierarquias que inspiram a vida externa ao cumprimento de desígnios cósmicos. Quando essa transformação ocorre, o ser fica relativamente liberto de vínculos compulsórios físicos, emocionais e mentais e pode vir à encarnação com propósitos bem definidos, como, por exemplo, o de servir ao plano evolutivo.

À medida que o ser humano cresce em consciência, sua compreensão acerca da lei do carma vai mudando. Deixa de vê-la como mero instrumento para compensar erros cometidos no passado e reconhece-a como meio infalível e de extrema utilidade para realizar a meta superior da vida.

Extraído do livro “Além do Carma.” – Trigueirinho
Editora Pensamento
Págs. 67 e 68

2017-09-14T17:44:07+00:00